Momentos económicos… e não só

ainda no “i” de hoje,

2 comentários

e no seguimento do post anterior, a verdade é que Marta Reis também perguntou a cidadãos o que esperam, ver aquiaqui. O resto da reportagem disponível aqui. Obrigado a quem me disponibilizou os pdf.

A principal regularidade é a importância do acesso rápido, mesmo que se pague um pouco mais. Curioso não se falar de medicamentos, e apenas de consultas. Ou o preço dos medicamentos é suficientemente baixo e não levanta grandes preocupações de acesso, ou a preocupação com ser visto por um médico ganhou maior importância. E o acesso a especialistas parece ser o principal aspecto. Resta saber se a indicação para se ir a uma consulta de especialidade veio do médico de família, ou é de iniciativa própria.

Anúncios

Autor: Pedro Pita Barros

Professor de Economia da Universidade Nova de Lisboa

2 thoughts on “ainda no “i” de hoje,

  1. Veja-se se a amostragem é estatisticamente relevante, para se inferir alguma coisa!

    Gostar

  2. A amostragem não permite qualquer inferência estatística. Estas notícias permitem apenas pensar no que se deve ir procurar, e construir hipóteses de trabalho para testes mais sérios que não sejam apenas baseadas em opiniões.

    Gostar

Deixe um momento económico para discussão...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s