Momentos económicos… e não só

o que devia ter sido feito antes, mas surge vários anos depois

2 comentários

uma avaliação dos possíveis efeitos da famosa descida da TSU, por Pedro Rodrigues e Alfredo Marvão Pereira (aqui), com a  principal conclusão a ser: “a descida da TSU (compensada por um aumento da taxa geral do IVA) é uma medida com pouca potência para criar emprego e acelerar a nossa convergência à União Europeia em termos do nosso rendimento.”

Para leitura, discussão e contraditório, se for o caso.

 

Anúncios

Autor: Pedro Pita Barros

Professor de Economia da Universidade Nova de Lisboa

2 thoughts on “o que devia ter sido feito antes, mas surge vários anos depois

  1. Tratam-se de duas medidas de sinal contrário, pelo que uma criará e outra destruirá emprego.
    Na minha opinião, proponho que se tente perceber se os seus efeitos são os que se pretendem para a economia portuguesa, o seu tecido empresarial e os equilíbrios macroeconómicos, a longo prazo.
    Mais concretamente, sobre o “tecido empresarial” estudar os efeitos positivos em sectores exportadores de trabalho intensivo, e os efeitos negativos no consumo privado, afectando também os sectores de trabalho intensivo que operam, essencialmente, no mercado interno. Resumo:
    – empresas de trabalho intensivo exportadoras: positivo;
    – empresas de trabalho intensivo no mercado interno e de capital intensivo no mercado externo: neutral (?);
    – empresas de capital intensivo que competem no mercado interno: negativo (?).
    Saudações

    Gostar

Deixe um momento económico para discussão...

Preencha os seus detalhes abaixo ou clique num ícone para iniciar sessão:

Logótipo da WordPress.com

Está a comentar usando a sua conta WordPress.com Terminar Sessão / Alterar )

Imagem do Twitter

Está a comentar usando a sua conta Twitter Terminar Sessão / Alterar )

Facebook photo

Está a comentar usando a sua conta Facebook Terminar Sessão / Alterar )

Google+ photo

Está a comentar usando a sua conta Google+ Terminar Sessão / Alterar )

Connecting to %s